Pessoa

Visita

Image Hosted by ImageShack.us

sexta-feira, 20 de maio de 2011

A Biblioteca, poema de Silas Corrêa Leite

2 comentários:

LEIA SILAS Literatura Contemporânea disse...

Gostei de ver meu poema lido aqui, obrigado, silas - www.portas-lapsos.zip.net

LEIA SILAS Literatura Contemporânea disse...

Poema da Biblioteca:
Todas as Histórias do Mundo
-Sou cheia de cavidades, conteúdos, somas
Tábuas paralelas segurando sonhos
Sou alta, larga, profunda - com glórias
Carrego das vidas todas as histórias

-Sou aquela que registra a própria civilização
Sou mais importante do que o pão
Sou forte, plena, cortejada e vaidosa
Sou cheia de luz em verso e prosa

-Tenho brilho por ter romance de alguém
Sou altamente cultural também
Sou a que guarda os tesouros da terra
O Reino das Palavras, na paz e na guerra

-Sou a que só se desfaz por acidente
Por incêndio - ou demente
Tenho páginas de rostos no meu Ser
Em belo acervo de aventura e prazer

-Sou a que é certa por linhas certas
O mundo mágico dos Poetas
SOU A MARAVILHOSA BIBLIOTECA
REINO DA FANTASIA PARA MENTES ABERTAS.
-0-
Silas Corrêa Leite – Da Estância Boêmia de Itararé-SP
Educador, Poeta e Crítico Social- Site pessoal: www.itarare.com.br/silas.htm
E-mail para contatos: poesilas@terra.com.br

Poema originariamente publicado na Revista Ao Mestre Com Carinho (SP)